Alta volatilidade

Capa Veja
Na semana passada, o dólar atingiu sua maior cotação desde dezembro de 2008: 2,45 reais. O governo agiu para conter a alta, mas dificilmente a moeda americana voltará ao valor de 2 reais. A revista Veja desta semana explica o que mudou na conjuntura externa – e mostra que o Brasil, infelizmente, não se preparou para o momento de adversidade.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9.

10 pitacos em “Alta volatilidade

  1. O PT desestruturou todos os pilares econômicos que fazem uma economia estável e de crescimento a longo prazo, nitidamente age no impulso e no improviso, de agora em diante, o castelo ira desmoronar.
    Meu conselho amigo, não faça dividas, nem de curto prazo e muito menos atrelada ao dólar, para de consumir e polpe dinheiro e por ultimo pague todas as suas dividas e espere ver a ruína econômica e social que o PT decadente e desmoralizado criará no Brasil até 2015…

  2. carloslisboajr@bol.com'
    carloslisboajr@bol.com diz:

    A conta tucana de R$ 64 mi na Suíça
    No livro “A privataria tucana”, o premiado jornalista Amaury Ribeiro Jr. demonstra, com farta documentação, que os tucanos são craques em utilizar contas bancárias nos exterior, principalmente em paraísos fiscais. José Serra, sua filha, seu ex-genro, entre outros, são listados no best-seller, que já vendeu mais de 130 mil exemplares. A revista IstoÉ desta semana confirma a sua tese. Ela revela que o PSDB mantém uma conta de R$ 64 milhões na Suíça. Quando a publicação iniciou sua série sobre o propinoduto tucano, o restante da mídia fez silêncio. A pressão das ruas e das redes, porém, obrigou-a a tratar do tema, rompendo a blindagem. E agora, como a imprensa tucana tratará o novo escândalo?

    • 160 milhões de reais perto de uma fazenda do lula, mais os desvios de dinheiro do mensalão e os gastos com o processo que deve estar chegando perto de 200 milhões. Da onde esta vindo o dinheiro para pagar advogados e outras cozitas mas? desvio de dinheiro das linhas férreas, desvio de dinheiro das ong de fachada vinculada ao ministério dos esportes, os super faturamentos de bilhões dos estádios de futebol para copa, o patrimônio do filho do lula da onde surgiu?

      Na verdade o Brasil esta tomado por canalhas, safados e pessoas da pior especie e todos nós pagamos por isso…

      Entre votar em canalhas então votaremos em quem defende a liberdade, iniciativa privada, defende a unidade familiar e tradição, ordem e progresso.

  3. http://www.bcb.gov.br/?RP20130822

    Pra quem não se preparou para as vacas magras, até que estamos bem com 372 bilhões de dólares no Banco Central. Desemprego a 5,4% (menor marca da história brasileira) e com uma indústria e comércio em crescimento (lento, mas crescendo).

    E roubando. Fora PT (Rrsrsrsssss…), voltem pessoal do psdb, esses sim gente boa. Voltem TFP. Votem no Rei.

    Globo, cadê o DARF?

  4. Como acreditar numa revistinha mau-caráter, venal e tendenciosa chamada Veja, que é considerada pelos jornalistas como o esgoto do jornalismo brasileiro?
    A Veja, que tem como um dos principais editores de fato o contraventor e gângster Carlinhos Cachoeira, despenca na tiragem – vendas por assinatura e avulsas- pela absoluta falta de credibilidade. Eu não compro e nem assino. E muito menos recomendo.
    Existem melhores alternativas: http://www.istoe.com.br e http://www.cartacapital.com.br
    Experimentem!

  5. nascimentomaringa@gmail.com'

    Não sei porque ficar exaltando o governo anterior (PSDB) que estava loteando nosso país e vendendo-o aos estrangeiros colocando em risco nossa soberania ou voltando a ser colônia de um ou outro país…

    Outra coisa, dar crédito para conteúdo produzido pela revista Veja é complicado, haja vista suas ligações profundas com políticos bem conhecidos e que estão loucos para voltar ao poder e, graças à revista ISTOÉ, estamos podendo mostrar um pouco mais de como agem os políticos em qualquer partido, ou seja, de nada adianta ficar atirando pedras, haja vista que todos têm seus telhados de vidro…

Deixe uma resposta