Alerta

Ontem, no Band Cidade, o jornalista Milton Ravagnani fez um comentário sobre o valor que a prefeitura pretende pagar pelo vale-alimentação, na casa dos R$ 39 milhões, quando o custo anunciado era de R$ 26 milhões.

Como explicar a diferença, questionou e eu (Akino) faço coro. Cuidado, Ulisses, isso pode lhe dar dores de cabeça, completou, e eu (Akino) endosso.
Realmente é muito estranho e dá margem para esquemas. O Milton pediu ao Observatório Social e nós aos vereadores sérios. Analisem essa licitação, antes da contratação.
Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

25 pitacos em “Alerta

  1. Os vereadores já tomaram providência na aprovação e no caso do vereador citado tomou cuidado com a lei , são 39 milhões mais tem a contrapartida de 50 reais dos funcionários, que no final cai para 26 milhões ano como combinado.

  2. Em plena crise, queda de receita, economia em recessão esse prefeito fica dando privilégios aos pouco competentes funcionários públicos de Maringá. Uma vergonha que vai quebrar nossas contas, reduzir investimentos e será paga pelos pagadores de impostos idiotas que somos nós.

  3. Que custe 26 e 36 milhões, só sei que com esse dinheiro, para para construir 8 creche, aparelhar o HMM, estruturar melhor os postos de saúde, esse vale alimentação tem a mesma função do bolsa família, é para conseguir votos com o dinheiro dos outros (contribuintes), o contribuinte já paga os salários dos servidores, porque temos que arcar com vale alimentação, quando prestaram concurso isso não estava previsto no edital, agora vem um prefeito populista e torra 26 milhões de reais por ano, final de quatro anos, mais de 100 milhões de reais, se continuar com essas promessas, provavelmente ficará por 08 anos, ai o rombo é maior, quem praticamente elegeu o Ulisses foi o servidor público, ou seja, Maringá ficará 04 ou 08 anos refém dos servidores. ABSURDO!!!!!!!!!!!!

  4. Funcionário público já tem como prêmio a estabilidade. E independentemente de se desempenham bem ou mal a função, o salário cai na conta deles todo mês. Não tem que dar esse vale, pois esse é um dinheiro que deveria ser usado para investimentos na cidade – tem o contorno sul pra arrumar, as trincheiras sobre a rodovia por fazer, bairros industriais sem asfalto, e que o prefeito já disse não haver dinheiro. Mas pra agradar funcionário e manter o sindicato de bico calado, ele tem.

  5. A radio Maia FM do irmão do Ulisses que estava fechada a anos, vai voltar a funcionar. Quero ver quanto que a prefeitura vai pagar de propaganda para radio.

  6. Sou funcionário público municipal, este vale-alimentação não seria necessário se os reajustes fossem historicamente dignos e com ganho real. Acredito que a maioria preferiria que fosse assim.

  7. Mário Sérgio Dainez diz:

    Otário do zé povinho.

    Agora estou entendendo está ficando explicadoantes era assim, mas agora será assado.
    Eram R$ 26 milhoes agora sao R$ 39 milhoes. E a contra-partida de R$ 50,00. E nós os contribuintes e funcionarios estamos simplismente sem argumento diante de tanto blá blá blá.

  8. 39 milhões por ano…em 4 anos…se nao for menos….a Pmm terá dificuldades para investimentos, pagamento de salários e fornecedores…etc….ja vimos este filme….é esperar pra ver de novo….

  9. Ué, mas o Humberto Henrique fez as contas e disse que dava pra pagar, o sindicato do PT exigiu que a prefeitura pagasse pra não impedir que servidor trabalhasse e fazer greve, os vereadores do PT perseguiram o Ulisses pra pagar… Então se a prefeitura quebrar e o servidor não receber os salarios em dia, os servidores deverão ir pra cima desse pessoal do PT exigir que paguem do bolso deles… aí o pau vai cair a folha!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>