Lindolfo abriu mão da aposentadoria especial

Em tempos de protestos contra as reformas trabalhista e da Previdência, vale o registro de um parlamentar que deu exemplo enquanto esteva lá.

Lindolfo Junior acabou com a aposentadoria especial para deputados estaduais e, mesmo tendo direito adquirido, abriu mão de sua própria aposentadoria, fazendo a opção pelo regime geral do INSS.
Graduado em Gestão Pública, Lindolfo disse que não fez mais do que sua obrigação, e que hoje também não acredita na aprovação no texto original da PEC 287.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

23 pitacos em “Lindolfo abriu mão da aposentadoria especial

  1. Interessante, mas por quantos anos ele recebeu a aposentadoria “especial”? Sendo ela um direito adquirido, quais seriam os “REAIS” motivos para essa desistência? Ummm…

    • Se abriu mão é porque não recebeu nada, aprenda a interpretar o texto leia novamente “Lindolfo Junior acabou com a aposentadoria especial para deputados estaduais e, mesmo tendo direito adquirido, abriu mão de sua própria aposentadoria, fazendo a opção pelo regime geral do INSS. ” repetindo “e, mesmo tendo direito adquirido,” preste atenção na virgula.

  2. Parabéns Lindolfo, atitudes como esta me deixam cheio de orgulho da desconfiança de alguns que o Akino seria você. Assino ao lado, eu faria o mesmo.

    • Putz…Eu acho que voce equino deve ser um cara que espalha roda de amigo em todo lugar, pois é chato demais…..Vai procurar tua cidade natal, e some daqui….

  3. Neto de um dos homens mais ricos da cidade filho do Lindolfo Luiz Silva, diretor de RPCTV e de Ivone de Campos Silva dona de um cartório cível na comarca de Maringá.
    Pode se dar ao luxo de abrir mão das aposentadoria especial, afinal o valor era apenas uma gorjeta pra ele!

  4. Schwartzundweiss diz:

    Sabia e sei da integridade e nobreza de caráter do Sr.Lindolfo Junior, mas, de que abriu mão da aposentadoria especial, eu não sabia. Tem que divulgar mais; todos devem saber.
    Verdadeiro homem público, não fez da política uma “profissão” como ela não é, portanto, não deve ser alvo de aposentadoria, jamais.
    Fizeram a lei para que ela o fosse em benefício dos próprios que a fizeram.

  5. Schwartzundweiss diz:

    Caro Cachorro Loko, quem faz isso não é doido, não. É lúcido, ético.
    É atitude correta de quem tem brio, tem vergonha, e tem verdadeira auto estima.
    ,

  6. Os grandes feitos do Lindolfo foram na década de 1980, ou seja a mais de 30 anos, quando ele foi vereador e deputado, gostária de saber o que ele fez de bom neste 30 anos seguintes????

  7. ALGUÉM JÁ VIU UMA PESSOA ABRIR MÃO DE UM CARTÓRIO DA MÃE POR SER CONTRA PASSAR CARRORIO DE PAI PRA FILHO?
    EU VI.
    LINDOLFO JR É DIFERENTE DESSAS NAIA TODAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>