Chororô

Ex-super-secretário de Silvio Barros II e de Carlos Roberto Pupin, homem de confiança do ministro da Saúde Ricardo Barros, o ex-prefeito de São Jorge do Ivaí, José Luiz Bovo, analisou os “100 dias de um governo populista”, em sua página no Facebook.
Apesar das críticas – como ao cumprimento de compromisso de campanha, caso do vale-alimentação – e de meias verdades

– como falar que a maioria dos cargos comissionados não era ocupado -, Bovo disse que sua análise não era “nenhum revanchismo ou torcida contra”.
Na Prefeitura de Maringá, porém, suas colocações soaram como “choro de derrotado”. Lembrando que ele fez de tudo, até ser admoestado pela Justiça Eleitoral, para garantir mais quatro anos para a turma que estava no poder havia 12.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

17 pitacos em “Chororô

      • Reduzir a quantidade de ccs não importa, o que importa mesmo é diminuir a folha salarial, se esse blog for realmente transparente e imparcial, deveria publicar o que se gastava antes com ccs e o que se gasta atualmente, acrescentando-se também o vale-alimentação, que alguns servidores estão utilizando para almoçar em restaurantes e não comprando alimentos

        • Ué? eu pensei que almoçar era comprar alimentos! Sem contar que o objetivo inicial do vale-alimentação, quando de sua criação, eram os restaurantes e não supermercados!

        • Interessante!
          Sempre achei que almoço fosse
          alimento?

          Agora querer dizer que nas ultimas
          administrações se gastava menos
          ou igual é de uma insanidade absurda.

          Se o MP fosse mais sério, acabaria com
          muitos laranjas nesta cidade.
          Ou vc acha que também não tem?

          • Curioso isso !
            Comer em restaurante agora é crime ?
            Comida = alimentação
            Além disso, muita gente trabalha o dia todo e não há erro ou mal algum em usar seu vale para COMER no almoço!
            Vc deve ser uma viuva da era barros que está chorando por não ter o seu benefício – cartão.

    • Esse povo que está ai tem muito que aprender com o Bovo…deixou a prefeitura com as contas em ordem…vamos ver o que vai acontecer…pois poderá ser preciso a volta do Bovo pra botar a casa em ordem novamente…tomara que não mas pelo andar da carruagem caminha pra isso…

      • Se tivesse deixado a casa em ordem,deveria ter averiguado os contratos como o do sinax,intermodal,visita do gaeco na SEMA envolvendo Ccs ,CCS que eram contratados para pagar campanha e eram obrigados a trabalhem panfletando,vigiando servidor, e como sempre vai gestão e entra nova sempre querem falar que ERA boa a de antes! RIDÍCULO! Era uma falta de de caráter propina e mais propinas pagas,entre muitas coisas que serão descobertas. No aguardo!

  1. Sobre a corrupção escancarada nos 12 anos ele não falou nada? Não comentou petrucci, barbao, manzato, contrato tccc? Quem vê acha que ele não participou de tudo isso…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>