PP negocia para ficar

O Partido Progressista negocia com o Palácio do Planalto os termos para permanecer na base do governo, enfraquecido com as revelações de delatores da J&F. A legenda exige continuar à frente do Ministério da Saúde e quer controlar o Ministério das Cidades (dono de um dos maiores caixas da Esplanada), que deverá sair das mãos do PSDB.

A pasta já foi controlada pelo PP durante o governo da presidente Dilma Rousseff. O PP até topa abrir mão do Ministério da Agricultura, mas não dispensa o Ministério das Cidades. (Via Murilo Ramos, no site da revista Época)

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

4 pitacos em “PP negocia para ficar

  1. Mas vai cair, tanto o ministro quanto o temeroso….Questão de tempo….Mas tem para viver uma vida nababesca até o decima geração……Podres de ricos…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>