Menos descanso para vereadores…

Câmara

… deputados e senadores. O Legislativo em todo país entra em recesso, por 15 dias. Vamos analisar só a situação da Câmara de Maringá. Iniciou o ano em 1º de fevereiro, com as sessões regulamentares e, passados longos cinco meses e meio de trabalho, entra em férias. Precisariam os vereadores desse descanso? Qual empresa ou ramo de atividade, no mundo, em que acontece isso?

Depois eles trabalharão mais quatro meses e meio, e entrarão novamente em férias por um mês e meio. São 10 meses de sessões e dois de recesso, por ano. Antes era pior, o mês de julho inteiro de recesso.
Não sei se pode, não pesquisei, mas penso que os vereadores poderiam propor o fim do recesso no mês de junho e reduzir para um mês (de 15 dezembro a 15 de janeiro) o de fim ano. Se a Câmara é casa do povo, esse povo só tem 30 dias de férias por ano, e trabalhando 44 horas semanais. Vereadores, salvo engano, trabalham bem menos e poderiam descansar menos.
PS: Outra coisa: No ano da posse, vereadores assumem e saem de férias por 30 anos, como aconteceu este ano. Isto não pode ser mudado?
Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

3 pitacos em “Menos descanso para vereadores…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>