Em debate, a saúde ineficiente

Globo News

A ineficiência da saúde pública brasileira foi tema do Programa Alexandre Garcia, ontem à noite, na Globo News. O ministro Ricardo Barros participou ao lado da defensora pública federal Raquel Brodski, e Carlos Vital, presidente do Conselho Federal de Medicina.

O mote foram as declarações sobre a falta de médicos na saúde pública. “Os médicos alegam que são bodes expiatórios para a incompetência dos administradores da saúde. E entre os dois lados, pacientes continuam vítimas de um sistema que funciona mal”, anunciou o programa.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

3 pitacos em “Em debate, a saúde ineficiente

  1. “Os médicos alegam que são bodes expiatórios para a incompetência dos administradores da saúde”
    Não concordo com essa afirmação, acredito e por experiencia própria, a incompetência acontece mais quando médicos ( não significa que não temos bons gestores ou administradores médicos) que deveriam estar na assistência ao paciente se “metem” a administrar hospitais levando com eles o mesmo código de ética medico, esquecendo-se que na administração e gestão também existe ética. Espero que essa afirmação se dirigia a POLÍTICOS NÉ…

    • Tiuzim da Roçadeira. diz:

      Concordo em grau, gênero e número, função de médico é clinicar, e mesmo não gostando do Ministro concordo que existem muitos médicos do sistema público que não trabalham, inclusive foi matéria de programas da Globo onde médicos falsificavam o cartão de ponto. Se quer ser dono de hospital ou administrá-lo abra mão da função clínica e vá estudar administração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>