Dia de ‘Fora Barros’

Fora Barros

Os médicos brasileiros lançam hoje, oficialmente, em todo o país, o Movimento Fora Barros. Em várias capitais haverá manifestação contra o ministro da Saúde, Ricardo Barros.

A atividade está agendada para ocorrer nos conselhos regionais de Medicina dos estados, como resposta às declarações de Barros, que, segundo os organizadores do movimento, “demonstram desconhecimento, desrespeito e descaso com a saúde pública e a categoria.
A iniciativa, que reúne profissionais de todo o Brasil através de redes sociais, tem o apoio e parceria de várias entidades, entre elas o Conselho Federal de Medicina, Associação Médica Brasileira, Federação Nacional dos Médicos e sindicatos dos médicos nos estados.
No Paraná o movimento não existe oficialmente, pelo menos de acordo com o site da CRM. Em Maringá também ninguém divulgou nenhuma agenda relacionada a manifestações.
O Sindimed criou o site Fora Barros, com o objetivo de reunir em um só espaço notas públicas da classe médica em repúdio às declarações ofensivas do ministro, disponibilizando ainda o manifesto e um abaixo-assinado pedindo a imediata exoneração de Ricardo Barros.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

8 pitacos em “Dia de ‘Fora Barros’

  1. Perai, esses mesmo médicos que pediram fora Dilma, colocaram um corrupto comprovado no poder, e esse corrupto colocou o Barros lá…
    Genial isso! Ahah

    Toma!

  2. Há Médicos e MÉDICOS
    No aspecto da denúncia do Ministro de que Médicos não cumprem seus horários, isso é notório e verdadeiro, mas nem o CRM e nem qualquer outra entidade médica, reconhece isso. Há verdadeira máfia em associações médicas, mas há também MÉDICOS ABNEGADOS e dignos dos maiores louvores. O Ministro da Saúde, deve ter colocado o “dedo na ferida” e deve ter descoberto alguma feridas profundas dos maus médicos e em guerra de gigantes o que tem razão, são os mais fortes. Resta saber se é o Ministro ou os Médicos.

  3. Mais Médicos Cubanos! diz:

    Por mais que concorde com tudo o que for pra escorraçar essa ORCRIM que é a Famiglia Barros Cosa Nostra, é preciso falar o que é verdade: tem médico que tem que se fuder por ser vagabundo! Já chega de passar a mão na cabeça dessa categoria classista e preconceituosa, que despreza gente pobre e sem esperança, mas que depende de cargos públicos pois a iniciativa privada não vai comportar todos eles, até porque boa parte é incompetente portanto NUNCA VAI pra onde se cobra resultados concretos e EXIGE-SE SERIEDADE. O sinistro da saúde é um pilantra, mas a classe méRdica brasileira precisa aprender a levar na cara pra crescer como cidadãos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>