Só que melhora

Maringá trilha o caminho para ser uma das cidades com políticas para animais mais eficientes, e em alguns anos deverá ser exemplo.

O vereador Flávio Mantovani, especialista na área, compartilha e indica os números de castrações patrocinadas pela prefeitura municipal: em 2016 foram cerca de 500; em 2017, cerca de 3.000; para 2018, segundo ano da gestão Ulisses Maia, serão mais de 8,5 mil castrações de cães e gatos.

Anúncios

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.

6 pitacos em “Só que melhora

  1. OLHOS DE LINCE diz:

    Fazer projetos para beneficiar pessoas, esses vereadores não fazem, a nossa cidade tá cheia de mendigos e drogados por toda Maringá !

  2. 5000 castrações quem está dando e o COndema com os recursos do Funda,entidades do conselho como CREA,OAB,COndem etc que estao dando para a secretária 5000 castrações três carros e quatro camboes.o mérito e do CONDEMA.

  3. Mas acreditam em tanta bobagem, referência em animais. Parem de fantasia e as coisas, alias tem coisas mais importantes para se resolver. Maringá parou……

  4. Esta é, sem dúvida, a pior Câmara de Vereadores que Maringá já teve!!! Que projeto significativo estes vereadores aprovaram até agora!!! Projetos que promovam o desenvolvimento da cultura, educação, da economia do município… Só homenagens, nomes de ruas; e outros inócuos como o dos eliminadores de ar, liberação de fundo de vale para construção de associações etc… “Tamo” muito bem representados!!!

Deixe seu pitaco