“Uma tristeza”

Palco de muitos jogos (e histórias), o Estádio Comendador Luiz Meneghel, na Vila Maria, em Bandeirantes, começou a ser demolido na semana passada.

A casa do União Bandeirante FC, que teve Nilton de Sordi como treinador e Brandão como uma de suas revelações, vai dar lugar a um condomínio residencial. O estádio tinha capacidade para 8 mil pessoas. “Uma tristeza”, constatou um torcedor nas redes sociais. Veja um vídeo da demolição aqui. (Foto Janilson Rodrigues)

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.

3 pitacos em ““Uma tristeza”

  1. Deveria Demolir Estadio de Maringá e fazer outro na saida da Cidade,Nosso Estadio esta muito velho hoje maioria são arenas cobertas. e lembrando retirar parque de Exposiçoes tamebem seria uma maravilhosa idéia.

    • Zé Roberto diz:

      O estádio acho que pode ficar lá do jeito que está; se não ajuda porém não estorva nada à população. Já o Parque de Exposições poderia ser retirado e remontado em Salto de Guairá, em Buenos Aires, na Patagônia ou na fazenda de algum bam-bam-bam da diretoria… Enfim, aquilo só estorva o progresso da cidade na área o ano inteiro, só dá despesas para o erário, e se der algum benefício, é mínimo, não compensa. E depois nos quinze dias de atividade anual aí é que deteriora de vez toda a normalidade da vida das pessoas que moram nas redondezas. Um nojo!

  2. Tristeza é ver dinheiro da prefeitura ser gasto para manter estádio que gera uma baita grana pra time de futebol privado…

Deixe seu pitaco