Revival

Ao falar hoje à tarde para representantes da comunidade maringaense, no paço municipal, por conta do Conselho Municipal de Contribuintes de Maringá, o prefeito Ulisses Maia lembrou um discurso de campanha.

Voltou a dizer que Maringá não pertence mais a um grupo político, não pertence mais a uma família, e é sim de todos os maringaenses.
A propósito do CMCM, que vem sendo discutido desde o ano passado, ele será uma espécie de tribunal de julgamento de processos relacionados com impostos e taxas como IPTU, ISS, ITBI.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.

4 pitacos em “Revival

  1. Servidor Desapontado diz:

    Então era pra isso. Achei que fosse reunião de trabalho com os Secretarios e Diretores para “afinar” as coisas na administração, mas não. Era apenas mais uma convocação para os puxa sacos de plantão fazerem volume e gritar o nome do Sr. Ulisses para tentar passar a imagem de adorado por todos.
    Mas como diria Abraham Lincoln “Pode-se enganar a todos por algum tempo; pode-se enganar alguns por todo o tempo; mas não se pode enganar a todos todo o tempo”.

Deixe seu pitaco