Valei-me meu São Serapião!

“Não há risco de eu não ser candidato. Sou ficha-limpa”. Frase do deputado federal Ricardo Barros (PP), condenado duas vezes por improbidade (uma, transitado em julgado), e mais algumas em primeira instância, sobre os pedidos de impugnação de sua candidatura ao Senado, na Gazeta do Povo. É o mesmo que, ao assumir o primeiro mandato na Câmara Federal, em reportagem da revista Época, foi destacado por ser o parlamentar a carregar o maior número de processos nas costas.

PS – O título da postagem é uma homenagem a José Roberto Balestra.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.