Judiciário é pouco ou nada confiável

Do Consultor Jurídico:
O Poder Judiciário segue como uma das instituições que têm a menor confiança da população no Brasil, conforme mostra o Índice de Confiança na Justiça, que analisou o segundo e terceiro trimestres de 2012. Feito pela Escola de Direito da Fundação Getulio Vargas, a Direito GV, o estudo mostra que a população brasileira considera o Judiciário só é mais confiável que as emissoras de TV, os vizinhos, o Congresso Nacional e que os partidos políticos. De acordo com a pesquisa — feita com 3,3 mil pessoas —, 90% dos brasileiros consideram a Justiça morosa e 82% a consideram cara. Outros 64% dos entrevistados acreditam que o Judiciário é desonesto e 61% o enxergam como nada ou pouco independente. Além disso, 64% dos ouvidos acham a Justiça “difícil” ou “muito difícil” de acessar. Leia mais.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.

4 pitacos em “Judiciário é pouco ou nada confiável

  1. DA VERACIDADE DESA PESQUISA EU NÃO TENHO DÚVIDA. LENTA, MOROSA, DESONESTA, CARA, DISTANTE DO CIDADÃO, FORA DA REALIDAE E O PIOR UMA VERDADEIRA “IN”JUSTIÇA.

  2. Certíssimo!
    Vejam os tantos imbróglios em que estão metidos os barrentos…
    A justiça (minúsculo mesmo) resolveu ou está resolvendo?
    Sempre disse aos movimentos, apenas citando um, o da derrubada da Rodoviária, que: estamos “brigando” com o poder errado…
    A justa (nem tão justa assim, principalmente quando envolvem políticos de DIREITA) passa a mão na cabeça dos políticos e muitos tranqueiras que conhecemos muito bem no dia-a-dia…
    É preciso começar URGENTE movimentos para que o poder em que deveríamos ter a maior confiança, comece realmente a mostrar que é merecedor dela, pois do contrário, só o Poder de Deus para os que acreditam Nele!

  3. CASCA GROSSA diz:

    Coitado de quem depende da justiça!
    Como acreditar que um veredito ser verdadeiro se cada Juiz tem entendimento diferente sobre o mesmo caso? Isso nos tribunais superiores, agora, imaginem nos forum meia boca.
    Por isso, sou amante da matemática. onde 2+2=4, No Brasil, no Mundo e até no inferno, caso existir.

Deixe seu pitaco