Aberto processo que pode cassar mandato de Eduardo Cunha

MG1

comissao

MG1

O Conselho de Ética aprovou ontem à noite, por 11 votos a 10, a abertura de processo contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por quebra de decoro parlamentar.
A discussão vinha se arrastando há meses, por causa de manobras regimentais. A informação é de O Globo.
O presidente do conselho, José Carlos Araújo (PSD-BA), teve o voto de minerva após empate de dez a dez entre os integrantes da comissão, e desempatou a votação seguindo o voto do relator, o deputado Marcos Rogério (PDT-RO), a favor da abertura do processo.
O maringaense Ricardo Barros (PP) integra a comissão; os representantes do PP, a favor de Cunha, foram voto vencido. (Foto: Lucio Bernardo Junior)

MG1

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.