Sons de greve? Dá-lhe coral

Coral

A administração Pupin/Barros tenta se manter indiferente à turba.
Em pleno primeiro dia de greve dos servidores – na prática, humilhados com uma proposta de reajuste equivalente à metade da inflação – alguém que manda na Prefeitura de Maringá ( José Luiz Bovo, Luiz Manzato, Silvana Janeiro, Luíza ou Carlos Roberto Pupin – nesta ordem) teve a ideia de colocar um coral da terceira idade no térreo do paço municipal para abafar o som da greve. Pândegos…
PS – Foi coincidência. O evento já estava programado. Leia aqui.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.