Obras do Contorno Sul estão em dia e devem ser entregues até junho

As obras de recuperação do Contorno Sul seguem dentro do cronograma e devem ser entregues até junho de 2020, informou a Prefeitura de Maringá nesta manhã.

Duas frentes trabalham no tratamento do pavimento, removendo camadas profundas, inclusive segmentos de base. No total serão recapeados 164.720 m², fresados 27.468 m² e recompostos 31.559 m².

Interrompida durante um período para ajustes nos projetos, por solicitação do Departamento de Estradas de Rodagem, as obras não são um simples “tapa-buraco”, e garantirão mais fluidez no trânsito e segurança aos condutores. As intervenções contam com corte de camadas do pavimento e capa de CBUQ de cinco centímetros.

As obras reúnem ainda a reconstrução e desobstrução de sarjetas, contribuindo para o melhor escoamento das águas pluviais e preservação da pista. O investimento é de mais de R$ 12 milhões e os recursos são oriundos de convênio firmado entre o município e o governo estadual com a contrapartida municipal de 5 %.

Conhecido como Contorno Sul, a avenida Sincler Sambatti tem 12 km e cruza vários bairros da cidade, fazendo a ligação da Rodovia PR-317 e BR-376. A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) desenvolveu projeto inédito para resolução definitiva. O estudo inclui abertura de três novas pistas, viadutos e trincheiras, pontes, além de galerias pluviais, nova sinalização vertical, horizontal e semafórica. O custo estimado é de R$ 225 milhões. (PMM)

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.