Prefeito perde recurso no TJ-PR

Condenado por improbidade em 2008, prefeito de Maringá teve negado recurso especial cível. O desembargador Carlos A. Hoffmann, presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, negou recurso especial cível ao prefeito de Maringá, Silvio Magalhães Barros II, condenado em 2008 por improbidade administrativa por utilizar carro oficial e motorista da prefeitura para levar o filho ao colégio particular. De acordo com o TJ-PR, o recurso especial foi interposto sem que se exaurisse a instância ordinária. Na íntegra.

Advertisement
Advertisement