Mal-estar passageiro, pressão permanente

Bravin - Samu
Felizmente não foi nada grave o mal-estar que abateu-se sobre o vereador Belino Bravin Filho (PP) ontem à tarde na Câmara de Maringá, e que mobilizou o Samu. Dizem que Bravin estava mesmo sob muita pressão, porque é vice-presidente da Comissão de Finanças e Orçamento, onde se encontra a análise das contas municipais de 2004, ano em que João Ivo Caleffi (PMDB) era prefeito. A aprovação das contas depende de um parecer solicitado ao Tribunal de Contas do Estado, e que deve ficar pronto na semana que vem. O síndico de um condomínio partidário vinha cobrando a desaprovação antes do segundo turno, para usá-la como instrument0 de campanha política.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.