‘Rei do Algodão’ assina TAC por degradação em fazenda

MG1

José Pupin
Do MidiaNews, de Cuiabá (MT):
Conhecido pela alcunha de “Rei do Algodão”, o empresário José Pupin acaba de assinar um Termo de Ajustamento de Conduta com a Sema (Secretaria de Estado de Meio Ambiente). O TAC, de nº 11387/2014, tem por objetivo a regularização da situação ambiental da Fazenda GMB II, no município de Paranatinga, “para que sejam adotadas medidas visando cessar, adaptar, recompor, corrigir ou minimizar os efeitos da degradação ambiental”. Caso a situação não seja regularizada, conforme o compromisso, Pupin poderá receber multa ambiental de R$ 5.000,00 por hectare de área de preservação permanente degradada.

MG1

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.