FPV divulga nota e defende técnicos bolsistas

tecnicos
A Federação Paranaense de Voleibol divulgou nota oficial, na última sexta-feira, rebateu denúncias e críticas que vem recebendo nas últimas semanas. Entre elas, a de beneficiar dois técnicos maringaenses com bolsas governamentais. A série de denúncias começou em março, com a publicação de reportagem de Vicente Seda, do Globo Esporte, sobre Neuri Barbieri, novo superintendente da CBV, acusado de não prestar contas na FPV. De Maringá são citados os técnicos Valdemar Umbelino da Silva, o Dema, maior vencedor da modalidade no estado, e, segundo a FPV, “um exemplo e uma referência”, e Robson Xavier, escolhido como diretor de vôlei de praia em 2013. “Os técnicos escolhidos receberam as bolsas por méritos e conquistas, e não por ter votado ou não no presidente”, diz a nota.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.