Qual a verdade dos fatos?

Esta postagem do Rigon rendeu muitos comentários com acusações não muito claras, principalmente de leitor que se identifica como ‘ A verdade dos fatos’.
O que teria de fato acontecido entre o vereador Jones Dark e Adriano Rosa dos Reis e outros cabos eleitorais que trabalharam na campanha de Dark para deputado estadual, em 2014? Eles trabalharam de graça? Doaram para campanha? Houve erro na prestação de contas ou teria havido fraude? Quem tem razão?

Qual a participação de Ambrósio Brambilla como assessor do vereador? Vítima? Procedem as veladas acusações ao vereador Ulisses Maia? Seria mesmo o começo de um jogo sujo de campanha, com o grupo Barros usando terceiros? E Jones Dark, seria vítima? Qual a verdade dos fatos, pergunto, sem qualquer cauda amarrada com político algum. Quem não a tiver que se manifeste. Sinto a falta de comentários do Ambrósio, que não se escondeu.
Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.