Não deveria assinar

Assisti, novamente, o Band Notícias e para mim ficou claro que, na visão do jornalista Milton Ravagnani e do vereador Flávio Mantovani, pode ter havido um problema proposital na não execução da obra do terminal intermodal, com a intenção de gerar aditivo que seria, para a administração anterior de R$ 1,5 milhão, segundo o jornalista, e agora teria passado para R$ 3 milhões.

Se pudesse, aconselharia o prefeito e parar, analisar, pensar, cercar-se de pareceres conclusivos, para depois decidir se assina concede este aditivo. Não afastaria a possibilidade de desclassificação da empresa que ganhou a licitação.
Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.