Quem obedecerá RB?

Vamos ver se o ministro Ricardo Barros (PP) continuará a ter, nesta legislatura, vereadores amestrados, aqueles que usam joelheiras.
Ele pediu aos vereadores eleitos pelo seu grupo que votem em Belino Bravin para ocupar o lugar de Flávio Mantovani na CPI do Terminal Intermodal.

Ricardo Barros é tão ligado a Edenilso Rossi, dono da Sial, como seu irmão mais velho, Silvio Barros II, que teve a mansão construída pelo empreiteiro-amigo de Curitiba. Rossi construiu muito pelo Paraná com recursos originados de emendas parlamentares de Barros.
PS – O ministro da Saúde está ligando para os vereadores e pedindo o voto em Bravin diretamente de Israel, para onde viajou ontem. Ele retorna no próximo dia 25.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.