Delator acusa ministro da Saúde de exigir propina para cunhado

Ricardo Barros

De Gabriel Mascarenhas, no Radar On-Line do site da revista Veja:

Uma delação, fora da Lava-Jato e à espera de homologação, vai complicar Ricardo Barros. Dono da Construtora Valor, Eduardo de Souza conta que pagou propina a um cunhado do ministro, por exigência de Barros.

PS- Juliano Borghetti, irmão da vice-governadora Cida Borghetti, nega qualquer acusação de solicitação de propina.
“Reforça que o seu relacionamento com a empresa Valor é posterior aos supostos desvios por ela praticados e que prestou serviços por três meses à empresa Valor, quando recebeu pagamentos por esses serviços, sendo que sua inocência está sendo provada no respectivo processo”, diz nota enviada por advogados do ex-superintendente da EcoParaná no governo Beto Richa e preso na Operação Quadro Negro, em 2015.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.