Disque Sir para denunciar

MG1

Allan de Abreu, do site da revista Piauí, é autor de reportagem que fala sobre Sir Carvalho, 58, criador da ONG Vigilantes da Gestão – “o paranaense que coordena 1,2 mil INGs, indivíduos não-governamentais que caçam corrupção pelo país”.

MG1

Mourãoense, ele residiu em Maringá, onde foi pioneiro na defesa da cidadania fiscal. Recentemente seu trabalho à frente da entidade foi objeto de reportagem também no programa Fantástico, da Rede Globo. Diz trecho da matéria:
“Os Vigilantes da Gestão são consequência de um aumento das ações de acompanhamento das contas públicas pela sociedade no Brasil. Um dos pioneiros foi a Associação dos Amigos de Ribeirão Bonito, Amarribo, criada em 1999 para investigar desvios de recursos públicos na prefeitura de Ribeirão Bonito, no interior paulista. O trabalho da ONG levou à cassação do prefeito da cidade e serviu de inspiração para outras entidades pelo país. A Lei de Acesso a Informação, em vigor desde 2012, foi outro marco histórico, ao facilitar o trabalho de vigilância do gasto público.
No início de seu trabalho de vigilância, Carvalho estava vinculado ao Observatório Social do Brasil, uma espécie de franquia de pessoas que se dispusessem a acompanhar de perto a gestão pública. Mas, há cinco anos, após desavenças com a ONG, Carvalho decidiu criar sua própria. A Vigilantes da Gestão se tornou uma central dos INGs pelo Brasil. Leia mais. (Ilustração Paula Cardoso)

MG1

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.