Leo Jaime, toffoletes e fila para beija-mão do novo presidente do STF

De Bela Megale, da Época:

De vestido longo vermelho, brincos e pulseiras dourados e sapato preto de salto agulha, uma advogada insistia com os seguranças para ter acesso à área VIP onde estava o recém-empossado presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), José Antonio Dias Toffoli.

— Eu paguei R$ 250. Por que não posso subir?
— Minha senhora, esta área é só para ministros do Supremo e familiares — respondeu o funcionário que controlava o acesso ao local.
— Mas a Marta Suplicy está lá em cima. Tô vendo daqui, de vestidinho azul, ó. — disse, apontando para ela.
O homem deu um suspiro e disse que a senadora havia entrado com a permissão de um cerimonialista. A convidada desistiu do plano, virou as costas, pegou uma taça do espumante nacional Casa Valduga e saiu cantarolando “Like a Virgin”, de Madonna, que tocava ao fundo. Leia mais.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.