A nota do deputado

O deputado federal Ricardo Barros enviou a alguns blogs nota a respeito da denúncia feita pela Promotoria de Patrimônio Público em Maringá, onde repete com o promotor Pedro Ivo a ameaça de processo, o que fez algumas vezes contra o promotor Cruz. Escreveu:

“Lamento que o Ministério Público não tenha a coragem de arquivar denúncias sem fundamento. Em oito anos não foi encontrada uma só prova de materialidade dos fatos. Não há um real sequer de prejuízo ao erário. É uma lástima que o Ministério Público reaja assim as críticas que eu faço aos seus privilégios como representante do povo. Provarei mais uma vez a minha honestidade e processarei o promotor por abuso de autoridade”.
O leitor Tuca Bituca, ao ler a nota no blog de Zé Beto, comentou: “Lamentamos a sua não presença nas últimas listas de Prisão Preventiva senhor deputado de Sarandi”.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.

3 pitacos em “A nota do deputado

  1. Num discurso feito recentemente durante um evento em Mandaguari, no mesmo dia em que seu colega de partido Ciro Nogueira foi em cana, Ricardo deixou muito claro que sua batata está assando. Ele disparou sua metralhadora verbal conta o MP e o Judiciário e afirmou temer (sem trocadilhos) que a qualquer momento venha acordar com a polícia na porta de sua casa para leva-lo ao xilindró.

Deixe seu pitaco