Deputados discutem superlotação

Os deputados estaduais Delegado Jacovós e Soldado Adriano José (foto) têm reunião no Departamento Penitenciário na quarta-feira, em Curitiba, com o secretário de Segurança, Francisco Caricatti. Vão tratar do grave problema carcerário de Maringá.

Os deputados calculam que hoje a Vara de Execuções Penais de Maringá, que atende a demanda de 19 comarcas, tem um déficit de 1.200 vagas. Segundo os deputados, a justiça de Maringá ultimamente está escolhendo qual preso deixa na cadeia. O chamado cadeião da 9ª SDP, que foi destruído, ficou com duas celas, uma para mulheres para 15 presos e outra para homens, para 15 presos. Hoje essas duas celas comportam 120 presos em condições sub-humanas.
Foi a própria Promotoria da VEP que convidou os deputados para uma reunião, onde expôs a situação grave. Para a reunião com o secretário foram convidadas juíza e promotora de Maringá, presidentes das câmaras de Maringá e Sarandi, chefes das guardas municipais de Sarandi e Maringá, o presidente do Conselho de Segurança de Maringá, o coordenador regional do Depen, comandante do 4º BP, o delegado-chefe de Maringá e o de Sarandi, além do presidente da Comissão de Direitos Humanos da subseção local da OAB.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.