O Planalto desdenha

De Leandro Mazzini, no jornal O Sul:

Tributária… – A proposta de reforma tributária que será enviada pelo Governo ao Congresso focará na simplificação de tributos e, assim como a reforma da Previdência, é fundamental para ajustar as contas do País. A afirmação é do subsecretário de Assuntos Fiscais da Secretaria de Orçamento Federal do Ministério da Economia, Geraldo Julião Júnior.

…vem aí – “Nossa taxação é do século 19”, diz Julião. Ele pontua ainda que “enquanto tivermos esse sistema com esse nível de complexidade de tributos, a gente gera Refis e sonegação porque ninguém sabe efetivamente qual tributo pagar”. O Governo ainda não tem definida a data de envio da reforma tributária ao Congresso.

Mais do mesmo? – Pelo visto, o Palácio quer começar do zero e desdenha do pacote relatado pelo deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR/foto) no Governo Temer, que prevê o mesmo. Hauly rodou o País em eventos com empresários. Um dos tópicos é a taxação na fabricação, e não no produto final, para baratear mercadorias na praça e não pesar no bolso dos mais pobres.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.