Presos por crimes sexuais foram transferidos para Mandaguari

O Departamento Penitenciário do Paraná transferiu hoje todos os presos por crimes sexuais das unidades penais de Maringá para a cadeia pública de Mandaguari, que a partir de agora passará a ser destinada exclusivamente para presos por crimes contra a dignidade sexual.

O Depen pretende reclassificar os presos e custodiá-los em estabelecimentos com presos com o mesmo perfil, cumprindo o que determina a Lei de Execuções Penais. O aparato para a ação de movimentação e escolta de 180 presos contou com os agentes penitenciários do Setor de Operações Especiais de Maringá, agentes penitenciários e de cadeia além de agentes da Central de Transporte da Regional do Depen e agentes do Grupo de Segurança Interna da Casa de Custódia de Maringá e Penitenciária Estadual de Maringá, além de policiais civis da delegacia de Mandaguari.

(Foto: Luciano Brito)

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.