Preocupação no campus

Uma notícia preocupante no campus da Universidade Estadual de Maringá.

O governo do estado teria devolvido a folha de pagamento. A determinação é de retirar o Tide de professores temporários e DE (dedicação exclusiva) de técnicos.
O Conselho de Administração está reunido para tratar do assunto, enquanto a reitoria busca resolver por meios políticos. Vai atrasar o pagamento.
O efeito imediato, teme-se, é o atraso no pagamento da folha.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.