Eis que a ficha começa a cair

Nem tudo que reluz é ouro, descobre pré-candidato a prefeito

Apontado como certo na disputa, um pré-candidato a prefeito de Maringá começou a se defrontar com a realidade. Não a da rua, a partidária – e suas exigências.

Não tendo gasto nenhum tostão nas últimas duas campanhas das quais participou, o político em questão esperava que novamente tudo caísse do céu. Não é o que o a estação meteorológica do tempo político-eleitoral prevê.

Garantem que ele começou a se desanimar.

Advertisement
Advertisement