márcio nunes

Legislativo

Data marcada

O deputado estadual Márcio Nunes, líder do PSD na Assembleia Legislativa, pretende apresentar projeto de lei disciplinando a transição no governo do estado, para que ela se inicie sete dias após a proclamação oficial do resultado do pleito.Continue lendo ›

Meio Ambiente

MP diz que projeto do deputado Márcio Nunes que reduz Parque Estadual Lago Azul é retrocesso ambiental

A promotora de justiça Rosana Araújo de Sá Ribeiro, coordenadora regional da Bacia Hidrográfica do Alto Ivaí, projeto estratégico do Ministério Público do Paraná, divulgou ontem nota de repúdio ao projeto de lei 177/2018, de autoria do deputado estadual Márcio Fernando Nunes, definindo o perímetro do Parque Estadual Lago Azul, que tem área de 560,40 hectares, em Campo Mourão.Continue lendo ›

Eleições 2014

Ex-presidente do Instituto de Águas é liberado após ser ouvido pela PF

Márcio Nunes
O candidato a deputado estadual Márcio Nunes (PSC), ex-presidente do Instituto de Águas do Paraná, foi ouvido ontem à noite na delegacia da Polícia Federal de Maringá e liberado em seguida. À tarde ele foi preso em Campo Mourão sob acusação de crime eleitoral, com cabos eleitorais; eles estariam distribuindo “kit-churrascos” no Jardim Aeroporto e, segundo a Promotoria, existem provas documentais. A informação, passada pelo advogado e vereador Luiz Alfredo da Cunha Bernardo (PT do B), está no site da Tribuna do Interior. Continue lendo ›

Eleições 2014

Márcio Nunes é preso por crime eleitoral

Márcio Nunes
O ex-presidente do Instituto das Águas do governo Beto Richa e candidato a deputado estadual Márcio Nunes (PSC) foi preso no final da tarde de hoje, em Campo Mourão, sob a acusação de crime eleitoral. A informação foi confirmada pelo Ministério Público, segundo o site Boca Santa. Pela manhã, a promotoria flagrou a distribuição de “kits churrascos” num mercado na asa leste daquela cidade. Três pessoas foram presas e a mercadoria apreendida. Nunes foi preso por volta das 17h30, quando fazia campanha perto da rodoviária, e levado para a Polícia Federal de Maringá.

Eleições 2012

“Coronel” Richa manda Márcio Nunes desistir

De Carlos Ohara, no Terra:
O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), pediu por telefone a desistência do pré-candidato de seu partido em Campo Mourão, município a 428 km de Curitiba. Ex-presidente do Instituto de Águas do Paraná (Ipaguás), Márcio Nunes deixou o cargo há um mês para disputar a eleição por orientação do próprio governador, segundo sua versão. A decisão de Richa, de acordo com relato de Nunes, atendeu a uma reivindicação do deputado federal Rubens Bueno (PPS). Para aceitar concorrer como candidato a vice na chapa encabeçada pelo prefeito de Curitiba, Luciano Ducci (PSB), Bueno teria incluído no pacote de negociações o apoio de Richa ao candidato do PPS, Tauillo Tezelli, em Campo Mourão. Durante a convenção do PPS na cidade, realizada na noite de quinta-feira, Bueno disse que o apoio de Richa não estava pautado nas negociações, mas adiantou que “o Tauillo, com certeza, será o candidato do governador”. Leia mais.

Blog

Em Campo Mourão, DEM na vice do PSDB


Em Campo Mourão, o DEM será vice do PSDB. Nery José Thomé (DEM), proprietário da Tribuna do Interio e que aparecia nas inserções do partido junto com a maringaense Maria Iraclézia de Araújo, desistiu de ser cnadidato a prefeito e assumiu a vice de Márcio Nunes (PSDB), ex-presidente da Compagás do Instituto das Águas. O site CRN informou que dobradinha foi definida ontem, em Curitiba, em reunião com o governador Beto Richa. A situação de Maringá também estava na pauta, e os pretendentes à mão da noiva tucana (Ricardo Barros e Wilson Quinteiro) estavam disputando no palitinho com quem iria ficar o tempo da sigla, que sequer chapa de candidato a vereador tem.
(Foto: CRN)