Quem irá nos defender?

Chapolin Colorado

Estima-se que cerca de 15 mil itens pertencentes ao patrimônio do município – ou seja, a todos nós – tenham sumido nos últimos anos da Prefeitura de Maringá.

Até agora, porém, segundo apurou o blog, não houve preocupação em se nomear uma  força-tarefa, ou comissão que seja, para tentar recuperar os objetos furtados.
Pelo contrário, cresce o número de denúncias de sumiço de materiais – como uma máquina agrícola Tobata da horta comunitária do Conjunto Borba Gato.
Aguarda-se que a administração demonstre interesse em defender o patrimônio público. Ou teremos que chamar o Chapolin Colorado?

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.

9 pitacos em “Quem irá nos defender?

  1. Pega ladrao .... diz:

    As máquinas de lavar roupas, os ventiladores , os computadores e telefones tbem serão procurados?? Kkkkk vai no Semusp também ? Seduc, sasc .. passes na Habitacao tem três lá , que só por Deus… na seduc tem acertos de contas mascarados rsrs diretoras que “guardavam ” $$$! Sumia ! Só depois que um certo bolso começou a cobrir ! Estou vendo o corre corre aqui dentro.. uma procura placa de patrimônio, outra procura para onde levaram arquivo.. aqui tá uma ZONA

  2. Descobri quem levou as Cutias do Pq do Ingá, foi o Piauí, ô cara sem vergonha sô………KKKKKK não duvido nada………

  3. Ué, por que não instalam câmeras em tudo que é publico?
    Na prefeitura, nas escolas na UEM.
    externas e internas,
    para ajudar, ou pelo menos diminuir os danos ao patrimonio publico.
    dizem na que uem até barco já foi roubado.

  4. Controle Social diz:

    Srs, aqui faço uma modesta observação acerca disso:
    É um assunto extremamente delicado. Bens públicos, como o próprio nome enseja, é público! É nosso! Ora, a quem assume um cargo eletivo, a exemplo de Prefeito, deve saber que não é só estar bem diante da opinião pública, ser popular, realizar obras de impacto etc… Suas atribuições vão muito além disso. Sobre essa denúncias, é dever do Prefeito tomar as medidas necessárias para a apuração dos fatos. Não vem ao caso dizer aqui quais são elas, por entender que, de tantas nomeações de cargos comissionados e funções gratificadas, haja gente supostamente qualificada que possa auxiliar no que se deve fazer ou não. No entanto, aqui faço a minha observação sobre as consequências de não fazê-lo.
    O Decreto Lei 201/67, o qual dispõe sobre a “responsabilidade dos Prefeitos e Vereadores”, em seu artigo 4º (das infrações políticos administrativas sujeitas ao julgamento pela Câmara de Vereadores e sancionadas com a “cassação do mandato”), inc. VII, diz o seguinte:
    Omitir-se ou negligenciar na “defesa de bens”, rendas, direitos ou interesses do Município sujeito à adm. da Prefeitura.
    Assim, fica subentendido ou entendido que, se nada for feito (apurado) haveria elementos suficientes para responsabilizar o gestor público, como citado acima, com a cassação de mandato. Quero deixar claro que não sou partidário, mas um cidadão que exerce seus direitos Constitucionais, como a todos também os são.

  5. é brincadeira hein. dentro de todas as prefeituras existem cargos de CONTROLE INTERNO e ganham bem. é só apertar que eles contam onde foi parar. ou os controladores não controlavam nada? são nomeados para tais fins. não é só controlar o salário no final do mês.

Deixe seu pitaco