Prateleiras e “feriado”

O presidente do TJ-PR, desembargador Clayton Camargo, por meio do decreto judiciário nº 511/2013, suspendeu o expediente em todas as repartições judiciárias do Estado e, facultativamente, no foro extrajudicial, neste dia 28, quinta-feira santa.
Leitor observa: “Enquanto os processos se acumulam nas prateleiras dos fóruns, o Tribunal de Justiça resolveu inventar um feriado e o batizou de “Quinta-feira santa”.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.