Na UEM, prédio inacabado é tomado por usuários de drogas

Prédio inacabado UEM
Uma das muitas construções inacabadas que existem no campus sede da Universidade Estadual de Maringá, iniciada há cinco anos, virou ponto de encontro de dependentes químicos e desocupados. O assunto foi tema de reportagem exibida ontem à noite na RPC TV de Maringá. O prédio fica ao lado do Hospital Universitário, perto da praça Jacinto Ferreira Branco, na avenida Mandacaru. Leia mais.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.