Historiando

Said Felicio Ferreira

Leitor lembra que o ano era 1992 e em Brasília acontecia a votação do impeachment do então presidente Fernando Collor e ao microfone o deputado federal e médico Said Ferreira declarou seu voto: ¨Por Maringá e pelo Paraná, eu voto sim¨.
Pouco depois chegaria em Maringá para disputar a prefeitura e onde o povo clamava por novos ventos de mudança na política local. O prefeito era Ricardo Barros.

O mandato de Ricardo Barros tinha sido muito controverso: criara a escola cooperativa, privatizando o sagrado sistema de ensino, em uma manifestação de servidores por aumento de salário fugiu pela janela da prefeitura e a população entendeu que havia colocado não só o mais jovem prefeito no comando da cidade, então com 29 anos, como o mais polêmico.
Durante a campanha que elegeu Said Ferreira, em que a participação dos desvalorizados servidores na campanha foi definitiva, ficou uma frase onde Said dizia: “Maringá é em seus sonhos aquilo que o seu povo quer, determina e decide”.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.