Polícia esclarece latrocínio

A Polícia Civil de Maringá esclareceu hoje a morte de uma professora de 57 anos, brutalmente assassinada ontem em sua residência, na Zona 5.

Os dois suspeitos são moradores de rua. Em deles, Josemar dos Santos (esq.), 41, confessou o latrocínio, disse que fez comida na cozinha enquanto Ademir Pinheiro da Silva, 44, teria cometido o crime. Josemar disse que várias vezes recebeu comida e roupas doadas pela professora. Imagens de câmeras de monitoramento foram usadas na investigação.
A notícia foi dada em primeira mão pelo repórter André Almenara. Saiba mais aqui.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.