Pela volta do trenzinho

Frequentadores do Parque do Ingá sugerem a volta do trenzinho, que circulava pelo local puxado por um trator. Um dia o trenzinho foi levado para ser arrumado e nunca mais voltou.

Há quem defenda que ele deveria retornar, cobrando-se preço simbólico, com renda destinada ao Provopar. Permitiria inclusive que muita gente com dificuldades de locomoção, principalmente idosos, matasse a saudade do parque.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.