Fahur, o salvador!

Do Analista dos Planaltos, via blog do Zé Beto:

Tido como homem forte de Ratinho Junior, governador eleito, para a disputa da prefeitura da capital em 2020, Ney Leprevost (PSD) só garantiu a cadeira na Câmara Federal graças à expressiva votação do Sargento Fahur (PSD).

O deputado estadual quase conquistou a Prefeitura de Curitiba em 2016, quando foi derrotado por Rafael Greca no segundo turno. Este ano, mesmo com toda estrutura de campanha e o apoio de Ratinho, ele fez 92.399 votos – número insuficiente para ser deputado federal. Os 315 mil votos de Fahur acabaram evitando um vexame do correligionário.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.