Hauly faz palestra na Itália

O economista e deputado federal Luiz Carlos apresentou hoje em Roma, no seminário internacional “Co-governança: corresponsabilidade nas cidades hoje” promovido pelo Movimento dos Focolares, a experiência revolucionária que o Brasil tem vivido a partir da criação das leis do Supersimples, Simples Nacional e do MEI/Microempreendedor Individual, as quais têm gerado milhões de novos empregos e também aumentado a renda de pequenos empreendedores de diversos segmentos.

O fórum internacional reúne 400 convidados de diversos países, entre intelectuais, economistas, administradores e profissionais de outras áreas que, durante quatro dias estão discutindo o futuro das cidades e também apresentando projetos para melhorar a igualdade e qualidade de vida dos moradores.
O Movimento dos Focolares defende a prática da Economia de Comunhão, “uma cultura econômica voltada para a comunhão, a gratuidade e a reciprocidade, propondo e vivendo um estilo de vida alternativo àquele dominante no sistema capitalista”. Essa experiência da Economia de Comunhão surgiu em São Paulo, em 1991, envolvendo empresários, trabalhadores, gestores, pesquisadores e outros cidadãos, e foi levada para outros países.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.