Aposta

Dois observadores da política maringaense aproveitaram a eleição para a presidência da Câmara Federal e fecharam uma aposta.

É que, como o maringaense Ricardo Barros (PP) não abriu mão da candidatura, apesar de o partido ter fechado com Rodrigo Maia, há uma expectativa em torno dos votos que ele terá. A aposta é em cima disso: terá Ricardo Barros mais que os 21 votos que recebeu quando desincompatibilizou-se da Secretaria de Estado da Indústria e do Comércio para disputar a Federação das Indústrias do Paraná (Fiep)?

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.