Teatro Calil Haddad reforça segurança e amplia horário de visitação

O Teatro Calil Haddad passa a ter novo horário de visitação a partir de hoje: durante a semana estará aberto das 8 às 21 horas e aos sábados e domingos, das 8 às 17 horas. A ampliação dos horários foi possível devida a contratação de segurança privada pela Secretaria de Cultura.

“Não era possível um teatro que reúne museu e sala de exposições ficar fechado nos finais de semana e aberto apenas até as 17 horas nos demais dias. Além de possibilitar a visitação, a segurança vai resguardar as obras, equipamentos da exposição e segurança dos próprios visitantes”, disse o secretário de cultura, Miguel Fernando.
A segurança será realizada 24 horas todos os dias da semana de modo ostensivo e preventivo para guarda e proteção dos bens móveis e imóveis, assegurando também a integridade física de servidores. Durante o dia contará com dois vigilantes e no período noturno com um. A contratação se deu por licitação e serão destinados R$ 360 mil à empresa vencedora pelo período de 12 meses.
Anteriormente feita apenas por um guarda patrimonial, transferido para outro espaço cultural, o reforço de segurança poderá trazer inéditas exposições a nível estadual e nacional, com parceiras dos museus Oscar Niemeyer, Museu Alfredo Andersen entre outros. O recurso possibilitará ainda uma possível reabertura da cafeteria no foyer.
Para ampliar as condições expositivas, a Semuc planeja ações de melhoria dos espaços. Entre elas estão a retirada do atual forro de PVC, aumentando o pé direito e possibilitando novas alternativas de criação; alteração de iluminação (fria para quente) e instalação de piso menos reflexivo para a exibição dos trabalhos artísticos.
Inaugurado em 30 de dezembro de 1996, o Teatro Calil Haddad leva o nome do pioneiro teatrólogo maringaense. Com 7.836,95 m² de área construída e capacidade para 759 pessoas entre plateia e balcão, o teatro abriga o Museu Histórico Hélenton Borba Côrtes, setores administrativos da Semuc, acervo do Patrimônio Histórico e painel em mosaico do artista plástico Poty Lazzaroto. (PMM)

(foto: Aldemir de Moraes)

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.