Pedido arquivado

A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná acatou parecer do desembargador José Maurício Pinto de Almeida e arquivou os autos referentes a um pedido de providências feito pelo Ministério Público Estadual, que apontava inversão da ordem de pagamento de precatório pelo prefeito de Sarandi, Carlos Alberto de Paula Junior (PDT). O próprio MP, através da subprocuradora geral de justiça Samia Saad Gallotti Bonavides, solicitou o arquivamento do pedido de investigação do suposto crime de responsabilidade depois de concluir pela ausência de justa causa para o oferecimento de denúncia.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Pioneiro em blog político, foi repórter e apresentador de programas de rádio e televisão, além de ter editado jornais e revistas. É comentarista da Jovem Pan Maringá.